Inspirado ou não nos chapéus do Rei Pelé e na “mão de Deus” de Diego Maradona, o atacante Luís Fabiano desencantou neste domingo, marcou dois gols e garantiu a classificação antecipada do Brasil para as oitavas de final da Copa do Mundo. Na partida em que Kaká também se destacou com duas assistências(e parou de correr a 02Km por hora como na estréia), a seleção de Dunga teve uma atuação bem diferente e vence a Costa do Marfim por 3 a 1, no Soccer City.

O Brasil abriu o placar com gol de Luís Fabiano no primeiro tempo, após boa jogada de Kaká. Os demais gols da partida saíram no segundo tempo. Luís Fabiano voltou a marcar, em um lance controverso, no qual o atacante usou o braço para ajeitar a bola. Poucos minutos depois, Kaká arrancou pela esquerda e cruzou para Elano fazer seu segundo gol na Copa. Elano não completou a partida. Após sofrer falta, ele saiu de campo carregado na maca. Aos 31 do segundo tempo, Drogba descontou para a Costa do Marfim. Quando a partida já parecia definida, os jogadores das duas equipes se envolveram em uma confusão.

E a

equipe brasileira perdeu o camisa 10, Kaká, que foi expulso por “agredir” Keita.

O Brasil volta a jogar na sexta-feira, contra Portugal, que enfrenta a Coreia do Norte nesta segunda-feira.