Enquanto neste 25 de junho de 2010 o Brasil enfrenta Portugal na Copa do Mundo da África do Sul, a exatamente um ano atrás o time de Dunga se classificava para a final da Copa das Confederações.Sem dúvidas era um dia de festa no esporte. Mas eu pessoalmente, não estava tão feliz.

Neste dia recebemos incredulamente a notícia da morte do Rei do Pop. E hoje, passados um ano não dá para negar: Michael Jackson continua presente na vida dos fãs, jornalistas e músicos mundo afora. Com uma inspiração para criar canções e coreografias como ninguém. Após a morte de Jackson, seu dom, o de encantar no palco, foi potencializado sem medidas. O mundo só sabia falar sobre Michael Jackson. Os fãs, desolados, não sabiam mais o que fazer, e o comércio se aproveitou da situação para faturar. O cantor entrou até para o rol das lendas urbanas.

Segundo o jornal britânico “Daily Mail”, Jackson arrecadou quase US$ 1 bilhão após sua morte. Até o final de junho de 2009, lojas e sites na internet venderam mais de 415 mil álbuns somente nos Estados Unidos. Em entrevista ao site da “CNN”, o preparador vocal do astro, Dorian Holley, afirmou que no dia anterior ao que sofreu a parada cardíaca, Jackson não demonstrou nenhum sinal de doença, prostração ou fraqueza. “Ele não agia como se estivesse algo errado. Ninguém chegou a suspeitar se havia algo estranho com Michael”, disse. Mas o pior aconteceu. E a família de Jackson foi (e se deixou ser) explorada ao máximo, sua vida pessoal dissecada e seus segredos mais íntimos trazidos à tona. Mesmo assim, o mito Michael Jackson ainda existe, e não deve ir embora tão cedo.

Valores à parte, os fãs de Jackson continuam fiéis ao ídolo e prometem não deixar o nome do cantor cair no esquecimento.

Carla Santana, presidente do Michael Jackson Fã-Clube Brasil (www.mjfc.com.br), relata que a figura de MJ continua presente no dia a dia deles e mesmo após a morte do astro sua música ainda toca, e muito! Nas rádios, internet e nas casas de fãs do mundo todo

O anúncio da turnê “This Is It”, que seria a última da carreira do artista, bastou para aguçar a curiosidade de crítica e fãs de Jackson. Infelizmente, os shows marcados nunca irão acontecer, mas fica o legado de uma personalidade completa, trata-se do maior ídolo musical do mundo, o ‘Rei do Pop’.

Quero guardar na minha memória, somente boas recordações de tudo que Michael foi, é e será. Definitivamente “this Is It”.

Anúncios